Seguidores

Nova raça para D&D 5E: Satyridaes

Deixe um comentário




Enquanto sátiros são a contraparte masculina do dimorfismo sexual das ninfas eles também podem acasalar com outras raças. Os filhos de uniões entre seres humanos e sátiros ... ou elfos e sátiros ... ou Halflings e sátiros ... ou anões, gnomos, meio-elfos, tieflings, Aasimar, genasis, goliaths, goblins, hobgoblins, orcs, e outras raças e sátiros dão origem à mestiços descontroladamente variados chamados satyridae.

Unidos pela magia louca do sangue de seus pais, eles partilham muitos traços, apesar de suas diversas aparências. Todos os satyridae são humanóides com chifres de cabra e pernas peludas de bode, mas a uniformidade física termina aí. Um Satyridae meio-orc pode ter presas enormes como as de um orcs; os chifres podem ter certas ondulações quando for Satyridae meio-elfo podendo mesmo ser um modelo de beleza; apesar disso, as habilidades físicas (e naturezas internas) de um satyridae são praticamente as mesmas. Enquanto sátiros são sempre masculino, os satyridae podem ser de qualquer sexo.

Independentemente de sua origem não sátira, os satyridae tendem a viver cerca de 150 anos. O desejo ardente para a vida que anima os satyridae prolonga a vida útil além da vida de suas raça de origem, como os seres humanos e orcs, mas fica muito aquém dos séculos dos elfos ou gnomo. Apesar de viver mais tempo do que os seres humanos ou goblinóides, os satyridae estão ansiosos para preencher cada dia com o maior número de experiências sensuais que eles puderem tolerar. Se o assunto é dança, bebida, comida, luta ou sexo, um Satyridae vai entrar exceder os limites sempre, desde que ele perceba que está animado com aquilo.

Os Satyridae não têm vergonha em perder o controle. Para eles o corpo tem de refletir o que a cabeça sente para essa sensação ser completa. Eles bebem até ficarem embriagados, comem até quase terem uma indigestão e brigam sem motivo.





Normalmente não encontramos populações de satyridaes. Eles geralmente vivem próximo às sociedades de seu pai não sátiro ou juntam-se com bandos de sátiros(isso se se não forem abandonados na floresta por suas mães).

Aldeias rurais que margeiam bosques silvestres têm muitas vezes um ou dois ‘pernas de bode’ para rituais de fertilidade. Tais satyridae podem ser considerados como reverência religiosa ou tratados como terrores supersticioso, dependendo da aldeia; em ambos os casos, os satyridae são muitas vezes isolados de seus conterrâneos. Essas crianças podem sair para se aventurar e encontrar companheiros que não vão julgá-los ou abandoná-los.

Se eles ocupam a vida com aventuras, os satyridae muitas vezes se encontram em conflito com as forças que mantêm a ordem. O seu estilo de vida freqüentemente custa mais à eles do podem pagar. Banditismo é um caminho tentador para muitos satyridae, embora o que mais aconteça ente eles seja desabafar sua natureza apaixonada em vocações artísticas.


Nomes Satyridae

Os Satyridaes normalmente recebem o nome conforme a tradição de sua parte humanóide Temos uma exceção para satyridaes ligados à sociedade das fadas, onde geralmente são dados a levar o nome correspondente ao sátiro ou não tem nome, recebendo apelidos.

Nomes femininos: Amaltheia, Antíope, Axieros, Chloe, Chrysis, Hekateris, Kabeiris, Kythere, Jenna, Melia, Neda, Oenothea, Quartilla, Trifena

Nomes Masculinos: Ampelos, Brucato , Gemon, Giton, Komos, Leneus, Lykon, Maron, Marsyas, Filipo, Skirtos, Torgo, Trimalchio, Zamfir








Traços Satyridaes
Seu personagem Satyridae tem uma série de habilidades naturais, um direito de nascença herdado de seus pais.

Atributos: Con +2 e Car +1;

Idade: atingem a maturidade física na adolescência e vivem pelo menos de dois séculos.

Alinhamento: os Satyridaes desfrutam de liberdade à ponto de serem irresponsaveis; o caos é centro para suas naturezas. Eles preferem saciar seus prazeres carnais independente de ajudar ou prejudicar os outros, e muitas vezes são mais neutro do que bem ou mal.

Tamanho: normalmente os Satyridaes medem de 1,60 à 1,80 de altura (dependendo da raça da mãe). Seu tamanho é Médio.

Velocidade: Suas delimitadoras pernas de cabra lhe dão uma velocidade base de 40 pés.

Nascido Músico: Nenhuma criança Satyridae cresce até à maturidade sem pegar pelo menos um instrumento musical. Você tem proficiência na perícia Performance.

Ancestrais Fey: Você tem vantagem nos testes de resistência contra ser encantado e a magia não pode colocá-lo para dormir.

Digestão de bode: Você tem vantagem nos testes de resistência contra veneno e tem resistência contra dano de veneno.

Chifres: Você nunca está desarmado. Você está acostumado com seus chifres, que são uma arma branca que causa 1d4 dano de concussão.

Sentidos: Você tem proficiência na perícia Percepção.

Línguas: Você pode falar, ler e escrever em silvestre, além do idioma de parte humanóide.

FONTE: criação de Sean Bircher, postado no blog Wine and Savages